CBN Goiânia
CASO DE POLÍCIA | 4 de Maio de 2021
Sociedade de Cirurgia Plástica alerta população sobre clínicas clandestinas de estética

A Polícia Civil investiga a morte de uma mulher, após procedimento para aumentar as nádegas em uma clínica clandestina de Anápolis, região central de Goiás. Ronilza Johnson, de 46 anos, teve complicações depois de fazer um procedimento com ácido hialurônico. Ela foi internada em 27 de março e morreu neste final de semana. De acordo com a delegada responsável pelas investigações, Cynthia Alves Costa, o biomédico responsável pela intervenção se apresentou para a vítima como médico e contou com a ajuda de um estudante de medicina para fazer as intervenções no bumbum, rosto e outras partes do corpo da mulher.

 

Ouça mais na matéria de Lorrany Castro.

Leia também

Publicidade
  • BRASILEIRÃO
    jhnb
    bvghf
    DIA 12/06 - MINEIRÃO - 21h
  • BRASILEIRÃO
    zxvzxv
    vrtvrc
    DIA 12/06 - ANÍBAL TOLEDO - 19h
  • BRASILEIRÃO
    bvcbdf
    fhgdjkjdf
    DIA 15/06 - AFLITOS - 19h
  • BRASILEIRÃO
    trgrg
    erfer
    DIA 15/06 - SERRINHA - 21h30
  • BRASILEIRÃO
    sdfaf
    t423trvw
    DIA 17/06 - ANTÔNIO ACCIOLY - 19h
Enquete

Você apoia a realização da Copa América em Goiânia?

  • Sim
  • Não