CBN Goiânia
FORNECIMENTO DE ENERGIA | 19 de Fevereiro de 2020
Liminar obriga ENEL a revisar processos e comprovar irregularidades em medidores
mbn

A Justiça determinou que a Celg, agora Enel Distribuição Goiás, comprove a legalidade de processos que resultaram na cobrança indevida de alguns consumidores. A liminar, concedida pelo juiz Jerônymo Villas Boas, acolhe pedido do Ministério Público de Goiás. Segundo a denúncia, há suspeita de irregularidades em medidores de energia, que foram trocados para aferição.

 

Ouça mais na reportagem de Aline Rodrigues.

Leia também

Publicidade
  • COPA DO BRASIL
    AGAS
    CVBVC
    SUSPENSO
  • COPA DO BRASIL
    CVBVC
    CVB
    SUSPENSO
Enquete

Você apoia a reabertura do comércio mesmo antes do fim da quarentena?

  • Sim
  • Não